NOTÍCIAS



MAI

20

2021
LESÕES DESPORTIVAS

LESÕES DESPORTIVAS

A Medicina Desportiva é a Especialidade médica que tem como um dos seus grandes objetivos a prevenção de lesões no desporto, quer sejam agudas ou crónicas. Quando surge uma lesão desportiva, o objetivo passa então a ser o seu correto diagnóstico, seguido do tratamento mais adequado.

Na prevenção de lesões é fundamental que sejam identificados os fatores de risco específicos do desportista (características de cada indivíduo) e da sua atividade desportiva, para que esses fatores possam ser minorados e até afastados.

Após uma lesão, a reabilitação desportiva visa a completa recuperação funcional do atleta, de acordo com cada caso, para que este possa retomar a sua prática desportiva em segurança. Mesmo uma aparente pequena lesão deve ser corretamente tratada, para não trazer futuros problemas nesse ou noutros locais.

A CERMA tem uma equipa dedicada, empenhada e muito experiente em recuperações funcionais das lesões desportivas.

HELENA FERNANDES – Médica Fisiatra


MAI

20

2021
DOR

DOR

A DOR, ESSE INCÓMODO SINTOMA

Num organismo em perfeito estado de funcionamento esse sintoma está ausente, não obstante esse sintoma está relacionado com uma imensidade de causas, existindo muitas vezes outras queixas associadas.

Se a dor relacionada com um traumatismo tem uma causa óbvia, na dor aparentemente espontânea, a sua causa é muito mais difícil de determinar.

A dor é um problema transversal a várias especialidades médicas, mas no que se refere à nossa abordagem específica, lidamos com a dor resultante de patologia do Aparelho Locomotor, ou seja resultante de lesões osteoarticulares, musculares e tendinosas, assim como dos nervos periféricos, todavia existem situações em que aparentemente a dor sentida e descrita pelo paciente simula uma lesão do Aparelho Locomotor, mas resulta sim de uma lesão de víscera toráxica ou abdominal ou de outras estruturas do organismo, por exemplo, vasculares.

A titulo informativo, e sem querermos alarmar, apontamos algumas situações; por exemplo uma dor na região lombar pode ter origem num tumor renal ou pancreático, uma dor vertebral pode corresponder a uma infecção na coluna vertebral, uma aparente dor num membro pode resultar de uma compressão de uma raiz nervosa na coluna vertebral, e muitas outras situações da prática clínica que não mencionamos. A dor que interfira nas actividades de vida diária e sobretudo a dor nocturna que acorda o paciente deve ser urgentemente investigada.

É nosso dever ético aconselhar as pessoas a não procurarem situações de facilitismo imediato através de soluções pseudo-terapêuticas com quaisquer alegados «tratamentos» locais sem o problema ser clinicamente avaliado e esclarecido, pois tal atitude pode ter, e muitas vezes tem, consequências nefastas e deve ser categòricamente rejeitada.

Compete aos nossos médicos avaliar clinicamente cada situação, e, formulando uma hipótese diagnostica, requisitar sempre que necessário os exames complementares adequados e estabelecer um plano terapêutico racional, ou orientar para outra especialidade médica em função do diagnóstico.

Na CERMA tem uma equipe de profissionais experientes e dedicados dispostos a ajudar. Se a DOR o incomoda não hesite em nos procurar.

ANTERO FRIAS MOREIRA (Médico Fisiatra – Director Clínico da CERMA)


MAI

20

2021
SÍNDROME PÓS COVID

SÍNDROME PÓS COVID

PÓS-COVID E RECUPERAÇÃO

Em tempos de pandemia SARS-CoV-2/COVID 19 tem-se verificado que os doentes após a infecção aguda, mesmo após testes negativos, desenvolvem um conjunto de sintomas que ainda não se sabe como se desencadeiam nem quando terminam e que a comunidade científica e médica denomina Síndrome pós- COVID (SPC).

O SPC manifesta-se de forma variada, e já sabemos que pode atingir vários órgãos e tecidos. A Medicina Física e Reabilitação tem duas áreas particularmente importantes na recuperarão pós- COVID: A recuperação das funções respiratórias e melhoria da capacidade locomotora. Estas são funções vitais que o SPC atinge particularmente e que importa dar resposta individual com eficiência e eficácia.

A CERMA já respondeu com sucesso a vários utentes com SPC e empenha-se na busca das melhores respostas para os seus utentes com o Síndrome pós-COVID.

José Torres Costa

Enfermeiro de Reabilitação


JAN

13

2021
CONTINUAR EM SEGURANÇA

CONTINUAR EM SEGURANÇA

O momento que vivemos exige de cada um de nós firmeza e determinação. A decisão pelo encerramento no primeiro confinamento deixou em todos uma sensação de frustação e alguma desolação. A responsabilidade que nos é acometida em função da confiança que nos depositam os nossos utentes quando acedem aos nossos serviços obriga-nos a assumirmos por inteiro a dar o nosso melhor para disponibilizarmos os serviços adequados e em segurança a cada um.
Com a experiência adquirida ao longo destes meses de pandemia e das expectativas que os nossos utentes esperam de nós, decidimos manter em pleno os nossos serviços e garantir a todos todo o nosso empenho em fazê-lo com toda a segurança possível.
Queremos contribuir com esta posição para o bem estar da nossa comunidade e garantir os serviços que habitualmente disponibilizamos à população.


DEZ

14

2020

FESTAS FELIZES

Nunca como agora necessitamos tanto de sentir a proximidade uns dos outros. A situação decorrente da pandemia trouxe alterações profundas nas nossas vidas. No entanto não podemos baixar a guarda e torna-se imperioso resistirmos com ânimo às adversidades e garantirmos  as melhores condições para o futuro pós pandemia. A CERMA tem feito tudo para garantir os melhores cuidados aos seus utentes e espera enfrentar o futuro com muito ânimo e muita esperança. A todos aqueles que de alguma forma tem uma relação de proximidade com a CERMA desejamos um SANTO NATAL e um FELIZ ANO DE 2021 cheio de saúde.


OUT

26

2020
ACORDO AGILIDADE SA

ACORDO AGILIDADE SA

Na constante procura de ir ao encontro de toda a comunidade em que estamos inseridos alargamos o âmbito do acordo que tínhamos com a Gestora de Planos de Saúde AGILIDADE SA que gere os cartões AGILCARE e SORRISO MAIS.
Este é também o reconhecimento da importância da CERMA na prestação de cuidados de saúde na comunidade em que está inserida e da confiança que lhe é reconhecida na sua actividade. Procuraremos sempre merecer essa confiança e prestigiar o acordo ora realizado.